27 janeiro 2009

Cansada...

Estes dias cinzentos e despidos de vida quase que nos obrigam a deixar entrar a noite e se por acaso fechamos os olhos sentimos ainda mais forte a solidão...

O horizonte perde-se num emaranhado de cores cobertas pela luz da noite, a suave melodia do vento consome-me e arrasta-me para a lembrança de outro lugar...

Hoje estou cansada, cansada de sonhar, de acreditar e de ter consciência que no fundo nada posso mudar...

Hoje a vida pesa-me...

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo