15 setembro 2005

Riscos...

As vezes corremos o risco de amar mais do que podemose, por medo, sempre menos do que somos capazes. Buscamos pelo prazer da paisagem e raramente pela alegre frustração da chegada. Quando nos entregamos, atiramo-nos e quando recuamos não voltamos... Bah... não me levem a sério, sei que nada é definitivo. Nem eu ou o que penso que eu sou. Nem nós ou que a gente pensa que tem. Realizar o amor é perder-se… desiludir-se… morrer….

2 comentários:

Scorpio_Angel disse...

... e renascer... (?) :*

Anónimo disse...

amar é um risco que todos corremos, quem me dera não amar... para mim, amar é morrer =(
p.s.-escreves cena altamente

Ocorreu um erro neste dispositivo