23 agosto 2005

Primogénito

Um primeiro post aberto como se de uma leve aragem de vento se tratasse... estou viva.

6 comentários:

Calina disse...

Sim senhora. Muito bem. ;)
Que muitos posts sejam escritos por muito tempo...
Beijos para ti e mais ninguém ihih

artjazz disse...

ó vou entrando...

sim srª, parece uma casa arrumadinha, gosto daquela divisão "Definir-me, seria limitar-me, e a minha força não tem limites." ;)

Espero q continues a postar mt, para q nós leitores possamos alimentar a nossa alma com essas tuas palavras, q na verdade não são tuas, pq são livres né ;)

Beijo

indigo des urtigues disse...

Deambulando encontrei-te!

Gostei do blog :)
Vou passar aqui mais vezes..espreitando a tua liberdade ;)

Beijinhos

Maria disse...

Obrigada pela vossa atenção amigas... vocês são uns amores ;)

Cláudia Costa disse...

muito bom :)

Cláudia Costa disse...

muito bom :)

Ocorreu um erro neste dispositivo