15 dezembro 2008

Conversas...

Tu: Bom dia meu anjo negro…
beijo de alma solitariamente perdida…

Eu: Estava a pensar em ti… que caminhos perdidos e frios alimentam
os teus passos lentos e incertos… Falta-nos a coragem…



Tu: Um querer de um todo que apenas me leva a solidão
nessa cobardia que não consigo abandonar…
encontraremos um dia a paz e a realização de nós mesmas?



Eu: Talvez apenas no dia em que sentimentos e palavras
sejam apenas sinais e riscos perdidos
num baú qualquer esquecido no pensamento…
mas aí, já não seremos nós...


Tu: Escasseiam as forças e a leveza de viver…
cansaço…
o juízo final estará para breve…

Eu: Será um mundo novo…
deixa que o destino te leve pela mão…
não tenhas medo…

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo