23 janeiro 2006

Desistir...

A solidão dói quando é aceite… quando finalmente nos rendemos ao seu dissabor e encantos, quando num último suspiro aceitamos o seu abraço… então sim, a solidão dói… é chegado o momento em que não mais lutamos ou desejamos.
Nada se consegue através do proibido ou permitido… nada se alcança com a amabilidade e estabilidade… nada se conquista com apoios e grandiosos momentos de entreajuda. Numa época sem barreira não é a colectivismo que fica mas sim o individualismo, o protagonismo dos sem lei… dos fora do sistema

3 comentários:

boneco sem nome disse...

Nunca se deve desistir!

Edy disse...

Hoje estou na solidão!
As tuas palavras são os meus pensamentos!
Beijos
Edy

BordaDaguas disse...

BOM SOM

Ocorreu um erro neste dispositivo