21 fevereiro 2014

Vencida...

Cheguei a este momento de vida, vencida pelo cansaço...
já não procuro as ruas cheias de pessoas expostas, nem sequer consegui ser uma delas...
escrevi tudo o que falhei, tudo o que me derrubou e aos poucos o mundo abandona-me mais, cansei de cuspir no papel a miséria que nos cerca todos os dias…
Anseio pelo dia que esquecerei o meu nome...
ou então o venderei a uma qualquer amante que queira uma última ilusão, já não me extasiam as palavras...
faço o que quero com elas, mas com o corpo não...
anda...
vai...
abandona-me ou então fica com as minhas palavras...
deixa-as que cubram a tua pele e depois cospe-as com o mesmo ódio que agora sinto do mundo…
Vou vestir-me de preto e ficarei mais bela que nunca para o meu último fôlego… 

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo